120 anos de JK: Uma homenagem do CRO-MG

120 anos de JK: Uma homenagem do CRO-MG

(31) 2104-3000

12 de setembro

Visionário, otimista, carismático e corajoso até o limite da inconsequência. Passava esperança, confiança e comprometimento. Assim a história descreve Juscelino Kubitschek, conhecido como JK, que se estivesse vivo, completaria na data de hoje (12/09), 120 anos. Foi Médico por formação, ingressou na política na década de 1930, sendo prefeito de Belo Horizonte, governador de Minas Gerais e Presidente do Brasil. Foi o responsável pela construção de Brasília na década de 1950.

Um de seus legados que hoje faz parte da história da Odontologia Mineira foi a criação da Faculdade de Odontologia de Diamantina, que ia ao encontro de um dos objetivos da época: a interiorização do Ensino Superior. Naquela ocasião, havia em Minas Gerais faculdades de Odontologia apenas em Belo Horizonte, Juiz de Fora, Alfenas e Uberaba. A faculdade em Diamantina veio para atender às necessidades de uma grande área, constituída principalmente pelo norte e nordeste do estado.

Juscelino Kubitschek teve também a participação de seu amigo e cunhado, José Maria Alkmim, Bacharel em Direito, que ocupou diversos cargos públicos e contribuiu para o desenvolvimento da Odontologia no país. As suas contribuições no âmbito jurídico para a Odontologia foram muito importantes para a regularização da profissão e para a criação do Conselho Federal e dos Conselhos Regionais de Odontologia, através da Lei 4.324 de 14 de abril de 1964.

O CRO-MG comemora e compartilha com nossos profissionais da Odontologia essa data tão importante de um legado de um homem de sonhos e ideias revolucionárias, que contribuiu para o crescimento da classe.

“O otimista pode errar, mas o pessimista já começa errando.” – JK.